Arquivo da tag: beber

Quantidade de uso diário

Podemos beber quanto Kombucha quisermos por dia?

A princípio parece que sim! Li que em alguns casos pessoas muito acostumadas chegam a tomar mais de 1 litro e meio de chá por dia! Pensou em mais? Nesse caso é melhor consultar um profissional, pois somente ele poderia lhe informar melhor sobre a sua capacidade de resistir aos componentes do Kombucha. Lembrando que quase nenhum médico ou nutricionista já ouviu falar de Kombucha, aconselho pesquisar melhor as substâncias que compõe a bebida, e levar para o profissional em questão para que possa ser feita uma análise mais precisa.

Algumas ressalvas devem ser feitas para se adequar o consumo às necessidades diárias de cada um. Como é de conhecimento comum, o corpo elimina os suplementos e nutrientes de quaisquer fonte que estejam em quantidade acima do adequado no corpo. Não devemos nos esquecer no entanto que alguns elementos, a exemplo das vitaminas, tem a qualidade de se acumular no corpo, e que em grande concentração podem causar distúrbios diversos.

Posso dizer sobre a minha experiência pessoal:

  • Nas primeiras semanas, normalmente iniciamos ingerindo uma quantidade muito pequena de chá – em média é indicado começar com a ingestão diária de 100 a 150 ml de chá, o que representa meio copo desses de bar (copo americano, 200 ml).
  • Qualquer quantidade acima dessa medida no início pode provocar distúrbios intestinais, leve incontinência urinária, e em alguns raros casos ouvi falar de dores de cabeça e erupções cutâneas. Isso ocorreu porque a pessoa tomou muito logo no início.
  • Depois de uns 3 meses bebendo Kombucha diariamente, aumentei sensivelmente o consumo, por ser um período de calor, para mais de meio litro a um litro de chá por dia, sem perceber qualquer alteração, sem qualquer problema.
  • Durante o período do frio costumo reduzir o consumo, bebendo o chá mais freqüentemente depois das refeições, geralmente um pequeno cálice.
  • Normalmente, quando estou ingerindo uma maior quantidade diária do chá, sinto menos fome, não sei direito qual é a associação entre a fome e o consumo do Kombucha, mas já ocorreu comigo essa redução no apetite.
  • Durante o período de um ano de consumo diário do chá, emagreci 8 quilos, acredito que perdi uma boa proporção de gordura, sendo que não sou obeso. Esse peso retornou em parte depois que o corpo se acostumou ao consumo do chá. É um ponto a ser observado, e discutimos isso melhor em Qualidades – Kombucha e a obesidade.

Beber Kombucha

Bebendo o chá - copão

Resumo do que tem sido divulgado na Internet:

  • Devemos começar o uso do chá com as seguintes medidas: primeira semana, 100 mls por dia; segunda e terceira semana, 150 mls por dia; quarta semana a oitava semana, 200 mls por dia; após a oitava semana até 3 meses pode ser dobrada a quantidade, podendo alcançar 400 mls por dia (2 copos pequenos de boteco); após o terceiro mês pode ser ingerido qualquer quantidade do chá.
  • Acho que as quantidades citadas acima estão adequadas a maioria das pessoas, funcionou bem comigo, exceto em alguns momentos no início nos quais eu ingeri quantidade maior e tive um dos relatados efeitos indesejados.
  • Uma das coisas que devemos aprender quanto a ingestão diária de Kombucha, é que os efeitos são como o próprio cultivo, são lentos mas eficazes.

Não deixe de ler também: Quem não deve beber? no próprio Blog.

Melhores horários para beber o chá

Não encontrei informações que relacionassem o horário consumido com o grau de benefício proporcionado pela bebida. Não existem restrições de horário para o uso da bebida. Tanto ao amanhecer, como no meio do dia, assim como no entardecer, anoitecer ou mesmo na madrugada.

No entanto, alguns pontos devem ser considerados dependendo do quantidade e da forma como está sendo ingerido o chá:

  • Observou-se em alguns casos, principalmente para quem utiliza a bebida mais ácida, caso comum naqueles que tem por objetivo a redução do peso, a utilização no período da noite poderia causar desconforto em função de suas propriedades diuréticas.
  • A desintoxicação se dá de forma mais adequada quando ingerido em conjunto com água, não necessariamente na mesma hora, mas durante o dia, o que para a maioria das pessoas representaria que o melhor horário para ingerir o chá esteja dentro desse horário no qual seja possível se ingerir água.
  • O uso do chá combinado com alguns alimentos, e principalmente quando se está iniciando o uso diário do Kombucha, nas primeiras semanas, pode ocasionar distúrbios intestinais.

Observei, no entanto, alguns horários que me pareceram oportunos para o uso:

  • Após as refeições principais, funciona como agente digestivo.
  • Utilizado pela manha, em jejum, ajuda na limpeza da flora intestinal e melhora o funcionamento das funções intestinais.
  • Durante a tarde, nos dias de calor, bem gelado, acompanhado de muita água é calmante e excelente para o sistema nervoso.
  • No início do dia, causa a melhora da pele, também em função da regulagem do sistemas gastro-intestinal.
  • Funciona como calmante, o que pode ser útil durante o dia. Da mesma forma pode ser ingerido na hora de deitar como leve indutor do sono – para aqueles que não tem problemas com os efeitos diuréticos.
  • Kombucha é uma bebida para ser ingerida a qualquer hora enfim.

Se você deseja saber mais detalhes sobre os benefícios do Kombucha leia os artigos: Kombucha e a obesidade e Benefícios para a saúde.

Copo de chá

Quem não deve beber?

Quem não deve beber Kombucha?

É realmente complexa tal resposta e talvez ainda não respondida satisfatoriamente. No entanto, algumas informações simples e importantes podem apontar contra-indicações para aquelas pessoas que precisam cuidados especiais quanto a sua saúde, e portanto possivelmente não se beneficiariam das qualidades do Kombucha.

Quem pode beber Kombucha?

A maior parte das pessoas podem beber Kombucha sem qualquer problema conhecido, e com benefícios maravilhosos. Assim, é mais fácil tentar definir quem não deve beber ou quem deve ter cuidado ao beber.

Você deve evitar beber o Kombucha?

Estão aqui alguns grupos de pessoas que eu acredito devem considerar com sabedoria e consultar previamente um médico antes de ingerir o Kombucha:

Aqueles com um mal funcionamento do fígado – o Kombucha é um dos melhores desintoxicantes para o corpo. Ele eliminará as toxinas de seu corpo através de seu fígado. Se seu fígado não está funcionando corretamente então pode ser aconselhável beber Kombucha com cautela, nesses casos é aconselhável beber também maior quantidade de água por dia.

Menores de 6 anos – Uma criança possui um organismo novo, crescendo, e pode não suportar a mesma concentração de suplementos e de gêneros alimentícios que um adulto. Kombucha é uma bebida refrescante e saborosa, principalmente se estiver mais doce, menos fermentada. Deve se tomar cuidado entretanto com a dosagem que é dada a criança para evitar distúrbios intestinais. Até 1 ano de idade recomenda-se diluir o Kombucha em água entes de dar, e utilizar uma quantidade inferior a 50 ml por dia.

Mães grávidas e amamentando – acredito que possam consumir Kombucha normalmente, mas por via das dúvidas, não devem consumir Kombucha de forma excessiva, apesar de não ter encontrado nenhum relato conclusivo sobre o assunto. Não encontrei fontes de informação que eu considerasse suficientemente coerentes sobre o consumo no período de amamentação. Algumas poucas fontes que falam da restrição ao uso relacionando o consumo excessivo de nutrientes para a criança em formação – o que a meu ver pode não ter sentido. Acredito que qualquer quantidade excessiva de nutrientes que se consuma seja eliminada, no entanto diversas substâncias passam para o leite materno a exemplo de alguns remédios que por isso são contra-indicados durante os períodos de gestação e amamentação. Não encontrei fontes que relatassem que o Kombucha possui alguma substância que pode ser prejudicial à criança em amamentação.

Crianças acima dos 6 anos – você pode considerar diluir o Kombucha antes de dá-lo a uma criança. Pode ser diluído com água, chá congelado ou com um suco de fruta apropriado tal como a uva. Apesar de que o uso da bebida em seu estado natural não tenha nenhuma contra-indicação explícita em nenhuma fonte pesquisada.

Alcoólatras em recuperação – muitos alcoólatras acham útil beber Kombucha durante seu período da recuperação, o que a meu ver é bastante coerente, porque a sensação de bem estar geral e as qualidades desintoxicantes são desejadas. No entanto, deve-se ter sempre em mente que Kombucha contém uma quantidade pequena de álcool, normalmente menos do que 1% por volume. Alguns alcoólicos em recuperação podem estar sensíveis ao ponto de conseguir “sentir” o álcool presente nessa fermentação o que poderia desencadear o uso de outra bebida com o teor de álcool maior. Portanto é pessoal a relação com o Kombucha durante tal tratamento.

Diabéticos – eu tive testemunhos pessoais de diabéticos que tiveram resultados maravilhosos ao beber Kombucha. Eu diria apenas para ter cuidado. A maioria do açúcar é convertido em outros componentes durante o processo de fermentação, no entanto, alguns cristais de açúcar podem estar presentes no chá pronto. Tenha isto em mente ao preparar sua dieta.

Se você não estiver certo sobre o uso do Kombucha consulte seu médico primeiramente.

Mas considere o seguinte: provavelmente seu médico nunca ouviu falar sobre o Kombucha e seria interessante você levar alguns dados para ele como a sua composição e algumas de suas principais características.

Bebendo o chá 2